Tag: Finanças

Vale! Mas não vale! As ações da Petrobras

valuation

A Petrobras vale seu preço atual no mercado de capitais. Mas não vale. Não necessariamente o valor de mercado de uma empresa em bolsa representa o seu valor justo. Os dois conceitos são relativamente diferentes, embora sejam comumente confundidos. Sob essa ótica, uma ação pode estar cara (valor de mercado maior que o valor justo) ou barata (o contrário).

O valor DE MERCADO de uma empresa é determinado multiplicando-se a quantidade de ações da mesma pelo valor da cotação de cada ação. Assim, uma empresa com 10 ações valendo R$ 10 cada tem o valor de mercado de R$ 100. O preço de mercado é estabelecido sempre em cima do último valor negociado. Assim, se um dos acionistas vender sua ação a R$ 11, a empresa acima passa a valer, momentaneamente, R$ 110. Se alguém vender uma ação a R$ 9, a companhia passa a valer R$ 90.

No entanto, falar em mercado de capitais engloba outras considerações teóricas a serem feitas. A principal delas é que o valor MERCADO de uma empresa é dado pela soma de duas variáveis, a “valuation”, que avalia o valor JUSTO da empresa a partir de uma série de variáveis (como discutiremos), e as expectativas, que refletem os aspectos comportamentais do mercado em relação àquela empresa.

Continuar lendo…

Categoria(s): Economia, Escrito por Matheus

As eleições e o mercado financeiro (de derivativos)

finance

Nestes dias que antecedem as eleições, vocês já repararam alguma relação entre as pesquisas eleitorais (ou os resultados das eleições) e o mercado financeiro?

Sei o que todos dirão: se Dilma está bem, a bolsa cai. Se Aécio está bem, a bolsa sobe. OK, isso é verdade e está sobretudo ligado à questão das ações das empresas estatais, tendo nenhuma relação com a competência gerencial de Dilma e Aécio e sim com os principais beneficiados pelos modelos de gestão em jogo, como muito bem abordado aqui.

Continuar lendo…

Categoria(s): Economia, Escrito por Matheus